O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Tratamento para curar câncer começa a ser testado em humanos

Pesquisa em rato apresentou 96% de eliminação de tumores em todo o animal.

Tratamento para curar câncer começa a ser testado em humanos
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Pessoas com linfomas devem ser submetidas a uma nova terapia contra o câncer até o final de 2018, após pesquisadores da Universidade Stanford realizarem testes em ratos de laboratório, e terem resultados positivos com a eliminação de tumores e metástases em diversos órgãos dos roedores.

A pesquisa revelou que diversos tipos de câncer como o linfomamelanomacâncer de mama e de cólon reagiram adequadamente ao método. Depois da divulgação do estudo à sociedade, a outros pesquisadores e a mídia em geral, todos sentiram confiança nos resultados apresentados.

O tratamento funciona semelhante a uma vacina e é uma combinação de dois medicamentos que já existem, e onde pequenas quantidades são injetadas no tumor. Uma das drogas usadas na imunoterapia já está aprovada para uso em humanos, enquanto a outra está em fase de testes.

O medicamento funciona reativando células imunes anuladas pelo câncer, o que estimula uma boa resposta imunológica sendo capaz de “eliminar tumores em todo o corpo”, mesmo aqueles não relacionados ao câncer inicialmente tratado, de acordo com pesquisadores da Universidade de Stanford que o desenvolveram.

O ensaio clínico teve início deste ano para testar os efeitos em pacientes humanos com linfoma – um câncer que infecta os glóbulos brancos que viajam ao redor do corpo combatendo a infecção e, portanto, pode se espalhar rapidamente.

Estão sendo recrutados voluntários com linfoma em estágio inicial para participarem do tratamento experimental.

O professor de oncologia da Faculdade de Medicina da Universidade de Stanford, Ronald Levy vê o novo tratamento como uma maneira de diminuir de forma significativa as chances do câncer retornar com a injeção do coquetel de imunoterapia aplicado antes da cirurgia para remoção do tumor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.