O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Synthol: para que serve, como comprar, como usar e efeitos colaterais

Se você quer saber mais sobre o Synthol continue a leitura e tire todas as suas dúvidas sobre está substância.

Synthol: para que serve, como comprar, como usar e efeitos colaterais
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Na cultura fitness há várias substâncias que são usadas para ajudar o frequentador de academia a alcançar o corpo perfeito.  O Synthol é uma dessas fortes substâncias que espreitam as academias e faz promessas miraculosas para seus pretendentes.

Mas quais são os riscos ao utilizar esta substância? Quais são os benefícios que eles podem trazer ao usuário? Existe alguma contraindicação?

Se você quer saber mais sobre o Synthol continue a leitura e tire todas as suas dúvidas sobre está substância.

O que é o Synthol?

O Synthol é um óleo que evidência a musculatura de seu usuário. Ele era comumente utilizado por praticantes de fisiculturismo, principalmente em competições. Desta maneira, fica mais perceptível aos jurados na hora da avaliação de cada competidor.

Vale ressaltar que o uso de synthol é proibido. Ele foi criado unicamente com o objetivo de ressaltar os músculos e criar algo, praticamente, ilusório. Não recomendamos o uso de Synthol, seus efeitos podem fazer mais mal do que alguns esteroides anabolizantes.

Ele é composto basicamente por óleo e álcool. Você encontra na substância uma porcentagem de 85% de um óleo bem espesso, 7,5% de álcool e 7,5% de lidocaína.

Como e onde utilizar o Synthol?

A aplicação do Synthol é realizada diretamente no tecido muscular, no caso, onde a pessoa quer evidenciar o músculo em especifico. Claro, os riscos são enormes.

Depois de aplicado, a substância fica no corpo durante muitos anos. A absorção dele pelo organismo é bem lenta. Outro fator a ser levado em consideração – e que é bem importante levando-se em consideração o objetivo da substância – é que o óleo toma a forma que desejar ao ser injetado no corpo. Por isso, em cada etapa da utilização do synthol deve-se tomar muito cuidado.

Há algumas partes do corpo em específico onde se utiliza o Synthol. Pelo menos, são as em que mais se tem utilizado a substância ultimamente. Veja abaixo:

  • Glúteos: local onde principalmente mulheres tem utilizado, os glúteos são um dos locais onde o synthol tem sido mais aplicado.
  • Panturrilha: ao aplica-lo no local, a panturrilha irá parecer maior. Por ser um local de difícil desenvolvimento muscular, a aplicação do synthol nesta parte do corpo é uma das opções comuns para quem o utiliza.

Efeitos colaterais do Synthol

Abaixo citaremos alguns dos muitos efeitos maléficos pelos quais o Synthol é responsável:

  • Infecção;
  • Inflamação;
  • Dor aguda;
  • Secreção (pus);
  • Gangrena;
  • Destruição do tecido muscular;
  • Amputação.
Fisiculturismo com synthol

Durante anos, muitos atletas de fisiculturismo fizeram uso de synthol nas competições. Entretanto, com a evolução dos campeonatos do gênero, logo o synthol foi caindo em desuso.

Ele era utilizado para deixar os músculos trabalhos ainda maiores e em evidência. Mas como ele é imprevisível e poderia acabar deixando os músculos assimétricos, e nas competições quanto mais simétrico melhor, foi deixado de lado pelos atletas.

Onde encontrar o Synthol?

Como já dissemos, a comercialização do synthol no Brasil é proibida. Então, se mesmo depois de todos os avisos, você ainda tem interesse no produto, você só o encontrará em mercados ilegais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.