O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Novo estudo: Presunto serrano, benéfico para diabetes e hipertensão

Tradicionalmente, o presunto foi um alimento contra-indicado para pacientes hipertensos por seu alto teor em sal.

Novo estudo: Presunto serrano, benéfico para diabetes e hipertensão
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

O grupo de pesquisadores da Cátedra de Risco Cardiovascular da Universidade Católica San Antonio de Murcia (UCAM) conseguiu, nos últimos meses, resultados que demonstram o efeito positivo de determinados peptídeos presentes na carne curada longo tempo, como o presunto serrano, sobre a saúde, entre os quais estão o controle da diabetes.

Segundo informa a instituição de ensino em um comunicado que, entre os resultados obtidos no projeto europeu Bacchus em que participaram os pesquisadores da UCAM, entre os quais está o José Abellán, diretor da Cátedra de Risco Cardiovascular, destacam que o consumo moderado de presunto serrano não só não produz efeitos benéficos sobre a pressão arterial, mas também foi detectado que contém alguns peptídeos que são anti-hipertensivos e, possivelmente, tenham um efeito antidiabético.

Tradicionalmente, o presunto foi um alimento contra-indicado para pacientes hipertensos por seu alto teor em sal. Mas agora, os pesquisadores reconhecem que a sua ingestão pode ser benéfica para o controle do diabetes e, até mesmo, do colesterol. De se confirmar estes achados “estaríamos diante de um alimento com excelentes propriedades nutritivas e cardiovasculares”.

A partir de então,a Cátedra de Risco Cardiovascular da UCAM, que já está trabalhando em outras linhas de investigação sobre a alimentação e o risco cardiovascular, abordará novos projetos relacionados com a influência do presunto serrano na baixa de açúcar no sangue e de colesterol.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.