O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Modafinil: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

O Modafinil começa a fazer efeito cerca de 1 a 2 horas após a ingestão, com duração de 8 a 9 horas.

Modafinil: para que serve, como tomar e efeitos colaterais
5 (100%) 2 votos Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

O Modafinil é o princípio ativo de um remédio usado para se manter acordado por mais tempo e com melhor concentração. Ele atua no Sistema Nervoso Central (SNC), excitando áreas do cérebro responsáveis pela vigília, inibindo o sono.

O medicamento é indicado para o tratamento de sonolência excessiva associada a doenças como a narcolepsia, onde a pessoa dorme mesmo durante uma conversa ou numa reunião de trabalho e para o tratamento da apneia obstrutiva do sono, hipersonia idiopática e distúrbios do sono causado por turnos.

O Modafinil, vendido em farmácias com outros nomes comerciais como Provigil, Vigil, Modiodal e stavigile, também é conhecido como a pílula da inteligência por ser usado por estudantes que estão se preparando para concursos, mas, como nunca foi testado nestas condições, não se sabe sua segurança em pessoas saudáveis.

Além disso, tem graves efeitos colaterais, vicia e causa doping, por isso para melhorar a memória e a concentração existem outras alternativas mais seguras.

Como tomar modafinil

O modo de uso do Modafinil consiste na ingestão de 1 comprimido de 200 mg, uma vez por dia, ou 2 comprimidos de 100mg por dia, podendo ser tomado ao acordar e depois ao meio dia. Para pessoas com mais de 65 anos a dose máxima deve ser 100mg, em 2 doses de 50mg cada.

O Modafinil começa a fazer efeito cerca de 1 a 2 horas após a ingestão, com duração de 8 a 9 horas.

Contraindicações

O Modafinil não deve ser utilizado sem indicação médica, mas gestantes, hipertensos e pessoas com problemas cardíacos devem se manter ainda mais distantes do medicamento.

Efeitos Colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns do uso de Modafinil incluem dor de cabeça, infecção do trato respiratório superior, náuseas, vômitos, nervosismo, ansiedade ou insônia. Também são relatados casos de comportamento agressivo e pensamentos suicidas.

Seu uso a longo prazo pode causar vício, dependência e doping. Reações alérgicas ao medicamento podem fazer surgir manchas na pele, coceira no corpo, feridas ou bolhas na pele e boca, inchaço nos lábios, olhos ou garganta, falta de ar, dificuldade para engolir ou rouquidão. Caso aconteça o paciente deve procurar o médico imediatamente.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.