O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Medicamento para o tratamento da leucemia mieloide aguda, aprovado na Europa

A Comissão Europeia aprova o medicamento Mylotarg para o tratamento da leucemia mieloide aguda CD-33 positivo em pacientes a partir dos 15 anos de idade, após os bons resultados de um teste clínico de fase III.

Medicamento para o tratamento da leucemia mieloide aguda, aprovado na Europa
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Estima-se que existam cerca de 352.000 pessoas no mundo que sofrem de leucemia mielóide aguda , o tipo de leucemia com a menor taxa de sobrevivência (apenas um em cada quatro pacientes adultos sobrevivem mais de cinco anos após o diagnóstico doença), e que a cada ano 16.800 novos casos são detectados, só na Europa, daí a vem a importância da aprovação da Comissão Europeia para o medicamento Mylotarg , da Pfizer, para tratar pacientes de 15 anos de idade com AML CD-33 positivo.

A leucemia mielóide aguda, como explicado pelo Dr. Cecilia Guzman, diretor médico da Unidade de Oncologia do Pzifer Espanha, é um cancec do sangue com mau prognóstico e progredindo rapidamente, por isso, se os afetados não recebem tratamento A doença pode fazer com que morram em alguns meses ou mesmo semanas.

Mylotarg (gemtuzumab ozogamicina) é a única alternativa terapêutica adotada até agora dirigida para CD33, um antigénio expresso, e é um grande avanço para alcançar a remissão completa prolongada esta neoplasia.

Em setembro de 2017, o Mylotarg foi aprovado pelo FDA para o tratamento de pacientes adultos com diagnóstico recente de CD-33 AML positiva , e também para tratar adultos e crianças com mais de dois anos de idade com este medicamento. mesma doença em recaída ou refratária. Esta aprovação, juntamente com os bons resultados obtidos pelo medicamento no teste cliclín de fase III Alfa-0701, foram fundamentais para a aprovação da Comissão Europeia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.