O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Engov: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

Engov é indicado no tratamento de dores de cabeça e também de alergias.

Engov: para que serve, como tomar e efeitos colaterais
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Tecnicamente nomeada cefaleia, a dor de cabeça é um mal muito popular entre os brasileiros. É provocada por diferentes causas, podendo ocorrer em diferentes regiões e culminar em uma parte da cabeça, ou transitar de um lado a outro da cabeça.

Possíveis causas da dor de cabeça (cefaleia)

  • Estresse: libera hormônios cortisol e adrenalina, que aumentam frequência cardíaca;
  • Grande esforço: atraem dores de cabeça;
  • Calor: relacionado à cefaleia, promove a desidratação;
  • Alimentação: evitar café, cítricos, queijos, alho, chocolate, cebola, que induzem a dor;
  • Noites mal dormidas: quando deixamos de dormir temos não temos a melatonina liberada daí a dor aparece;
  • Odores fortes: ocasionam dores de cabeça e enxaqueca;
  • Falta de alimentação: provoca as dores de cabeça devido ao baixo nível de açúcar no sangue.

Indicações de uso e funcionamento do Engov

Engov é indicado no tratamento de dores de cabeça e também de alergias.

O funcionamento do Engov se deve ao efeito analgésico, anti-inflamatório e antialérgico, que ocorrem no sistema nervoso central e inicia a redução de dor imediatamente.

Posologia (como tomar)

Tomar no máximo 1 a 4 comprimidos por dia. Sempre buscar orientação médica.

Contraindicação

Em caso de alergia a quaisquer componentes da fórmula, deve-se evitar sua ingestão. Situações com alcoolismo crônico, úlcera gastroduodenal, gestantes e menores de 12 anos o medicamento também é contraindicado.

Engov: efeitos colaterais

A seguir, alguns dos principais efeitos colaterais.

Se consumido a longo prazo, há a possibilidade de necrose papilar renal e constipação intestinal. Outros efeitos incluem sedação, insônia, agitação, zumbidos, tremores, taquicardia e respiração acelerada. Havendo efeitos colaterais, é importante consultar o médico.

Superdosagem

Acima de 4 comprimidos por dia poderão surgir tonturas, enjôos, vômitos, agitação e tremores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.