O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Durateston: o que é, para que serve, como aplicar, benefícios e efeitos colaterais

O Durateston ajuda a acelerar o metabolismo, contribuindo para a queima de gorduras do corpo.

Durateston: o que é, para que serve, como aplicar, benefícios e efeitos colaterais
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Famoso nas academias, o Durateston é um dos medicamentos à base de anabolizantes injetáveis mais populares entre os que praticam musculação, e também o mais utilizado por eles.

O que é Durateston

Por oferecer bons resultados hipertróficos, o Durateston é um anabolizante muito utilizado por aqueles que querem resultados eficientes nos ganhos de massa magra.

Ou seja, o principal objetivo do uso desse medicamento é o aumento dos níveis de testosterona e das fibras musculares, o que acaba contribuindo para hipertrofia.

Porém, o Durateston é indicado para homens com baixos níveis de testosterona (hormônio masculino) e só deve ser utilizado mediante prescrição médica.

Isso porque o uso exagerado e desorientado desse produto, principalmente sem uma prescrição médica, pode acabar provocando efeitos colaterais perigosos para o corpo.

Falaremos sobre esses efeitos colaterais mais adiante.

Como aplicar o Durateston

Geralmente, o médico poderá recomendar apenas uma injeção com apenas 1 ml. Essa injeção deve ser aplicada por um enfermeiro a cada 3 semanas.

O uso adequado do Durateston oferece os seguintes benefícios para o corpo:

  • Redução de gorduras do corpo 

O Durateston ajuda a acelerar o metabolismo, contribuindo para a queima de gorduras do corpo.

  • Proporciona um bom desenvolvimento de massa magra: 

O uso do Durateston contribui para o ganho hipertrófico de maneira eficiente. 

Quando essa testosterona é injetada no organismo, ela é conduzida até o núcleo celular e se conecta com o DNA, elevando os níveis de miosina e actina.

E o resultado disso é o desenvolvimento da massa magra de maneira eficiente;

  • Auxilia no sistema imunológico:  

O Durateston é excelente para a produção das hemácias (glóbulos vermelhos), fazendo com que esse fluxo de hemácias traga mais oxigênio para o corpo e ajude a prevenir doenças, fortalecendo também o sistema imunológico;

Em contrapartida, o uso inadequado pode oferecer sérios efeitos colaterais.

Assim como outros medicamentos à base de anabolizantes, o Durateston também pode oferecer alguns riscos para a saúde, principalmente em casos de uso prolongado e inadequado.

E um desses ricos é o surgimento de problemas cardíacos, nos rins e também nos fígados, além de alterações nos níveis de colesterol e principalmente níveis de agressividade causada pela alteração do humor.

Outros efeitos colaterais incluem:

  • Disfunção erétil

O uso inadequado do Durateston também pode ser a causa de disfunção erétil.

Isso porque o organismo converte o excesso de testosterona (quantidade elevada que o corpo considera desnecessária) em estrógeno, que é o hormônio feminino.

E o estrógeno é responsável pela disfunção erétil.

  • Ginecomastia

Aumento das glândulas mamárias no homem (literalmente, crescimento de seios) por causa do estrógeno proveniente do uso excessivo de Durateston.

  • Queda de cabelos

O nível exagerado de testosterona é também convertido em DHT. Esse por sua vez é o hormônio responsável pela queda de cabelo.

  • Acnes

O excesso do anabolizante aumenta a taxa de oleosidade na pele, o que pode resultar no aparecimento de acnes.

Buscar uma orientação médica é a melhor solução

Para isso, o praticante de musculação deve buscar uma orientação médica, evitando injetar o produto no corpo sem o conhecimento necessário para isso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.