O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Cystex: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

Havendo superdosagem será necessário contatar o médico responsável e realizar uma lavagem estomacal o mais rápido possível.

Cystex: para que serve, como tomar e efeitos colaterais
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

A dor e ardor sentidos ao urinar podem ser indicativos de que o sistema urinário está com alguma alteração. Para eliminação destas dores, algumas práticas reduzem as dores. O Cystex é um medicamento em forma de drágea.

Indicações do Cystex

Composto por cloridrato de acriflavina, metenamina, cloreto de metiltionínio e atropa belladonna L, o Cystex tem as seguintes propriedades:

  • Auxilia tratando feridas, queimaduras e desinfeccionando a pele;
  • Efeito antibacteriano nas infecções do trato urinário;
  • Efeito sobre a metemoglobinemia;
  • Alivia sintomas de Parkinson e desordens gastrintestinais.

Posologia

Realizada de forma oral, a ingestão deste medicamento deve ser realizada sem cortes dos comprimidos ou sem mastigação, devendo ser ingeridas inteiras e acompanhadas de água.

Três vezes ao dia ingerir uma dose de 2 drágeas, em horários alternados aos das refeições.

Contraindicações

O Cystex está contraindicado nos seguintes casos:

  • Em casos pacientes menores de 18 anos;
  • Em casos de pacientes com doenças hepáticas ou glaucoma de ângulo aberto;
  • Em casos de hipersensibilidade, alergia ou problema na administração da formulação de Cystex.
Efeitos colaterais

Os possíveis efeitos colaterais que podem surgir são:

  • Febre;
  • Náusea;
  • Sede em excesso;
  • Vômito e diarreia;
  • Midríase;
  • Pele ressecada;
  • Boca ressecada;
  • Problemas para engolir;
  • Eosinofilia;
  • Anafilaxia;
  • Vermelhidão;
  • Alterações na fala;
  • Diminuição da secreção brônquica;
  • Rubor.
Superdosagem

Havendo superdosagem será necessário contatar o médico responsável e realizar uma lavagem estomacal o mais rápido possível.

Precauções

Algumas recomendações adicionais incluem os seguintes cuidados:

  • Não ampliar a dose;
  • Gestantes ou lactantes: utilizar o medicamento sob orientação do médico;
  • A urina pode mudar sua coloração, podendo ficar azul;
  • Diabéticos: cuidado ao usar o medicamento, pois contém açúcar;
  • Pacientes com doença renal devem ter cautela ao tomar o medicamento.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.