O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Conheça método indolor revolucionário para medição de glicose

A novidade promete facilitar a vida dos diabéticos.

Conheça método indolor revolucionário para medição de glicose
5 (100%) 2 votos Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Finalmente o futuro está chegando para os pacientes que sofrem de diabetes e precisam medir a glicose.

Graças a um adesivo revolucionário, bem parecido com um curativo, paciente consegue fazer a medição necessária dos níveis de glicose sem precisar de um exame de sangue, método tradicional, onde uma picada no dedo é necessária.

A novidade é que o adesivo não precisa perfurar a pele para conseguir coletar as informações sobre a glicose.

O adesivo coleta o fluido entre as células por meio dos folículos capilares. Estas propriedades são acessíveis uma a uma em miniatura por meio de uma minúscula corrente eletrificada, impossível de ser sentida.

O recebimento desta propriedade faz com que o adesivo mantenha-a recolhida em reservatórios minúsculos, onde acontece a medição.

A leitura da glicose pode ser feita a cada dez ou quinze minutos e ao longo de várias horas.

Com o método, será eliminada a precisão dos milhões de diabéticos fazerem testes dolorosos com frequência.

Uso do novo medidor poderá ser feita 24 horas por dia

Por contar com sensores e reservatórios em sua estrutura, o adesivo dispensa qualquer calibração de amostra de sangue.

Assim, os testes são feitos de forma indolor, tornando os testes por meio de sangue simplesmente desnecessários.

Luca Lipani e seus colegas da Universidade de Bach, Reino Unido, criaram a prova do conceito. Eles esperam que este sensor em forma de curativo se torne uma nova facilidade de detecção de problemas relacionados a diabéticos e o melhor: com um baixo custo.

O dispositivo ainda faz o envio das medições para um app de celular, dando um alerta ao usuário quando houver necessidade de tomar alguma medida para evitar que algum problema aconteça.

O trabalho ainda não está finalizado, as próximas etapas ainda incluem aprimoramento adicional do projeto para realizar uma melhor performance no período de 24 horas, aumentado o número de sensores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.