O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Cimecort: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

Sua utilização prolongada pode provocar uma insuficiência suprarrenal secundária, consequente da supressão da hipófise suprarrenal.

De uso adulto e pediátrico, o Cimecort possui ação antimicótica, anti-inflamatória e antibacteriana. É muito usado para como cuidar dos problemas de pele, geralmente provocados por germes sensíveis como dermatite seborreica, disidrose e dermatite de contato.

Atuação do Cimecort

Após sua aplicação na pele o Cimecort combate micose e infecções bacterianas associadas a inflamação.

Posologia do Cimecort (como tomar)

É necessário aplicar uma camada fina de creme Cimecort na região atingida, ao menos uma vez por dia, podendo chegar a duas aplicações diárias, dependendo do caso. Não estender seu tratamento a período superior a duas semanas.

Contraindicação

Cimecort é contraindicado nos seguintes casos:

• Quando houver hipersensibilidade (alergia) a qualquer ingrediente da fórmula;
• Para uso oftálmico;
• Em casos de pacientes com hipopotassemia ou hiponatremia graves; insuficiência renal; hipovolemia; e insuficiência hepática com alterações do estado do de consciência;
• Em casos de gestantes, lactantes, herpes, catapora, varicela e em casos de sífilis cutânea.

Superdosagem

Sua utilização prolongada pode provocar uma insuficiência suprarrenal secundária, consequente da supressão da hipófise suprarrenal. Nestes casos recomenda um tratamento específico.
Havendo qualquer sintoma adverso, suspenda seu uso e consulte um médico o mais rápido possível.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.