O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Brasil vive com a constante crise nos leitos de UTI neonatal

De acordo com a SBP, a quantidade ideal de leitos de UTI neonatal é de pelo menos quatro para cada grupo de mil crianças vivas.

Brasil vive com a constante crise nos leitos de UTI neonatal
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Dados da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) mostram que o Brasil tem uma carência de mais de 3.300 leitos de unidades de tratamento intensivo (UTIs) específicos para o recebimento de crianças que vieram ao mundo antes de 37 semanas e que mostram quadros clínicos complexos ou que necessitam de cuidados.

De acordo com a SBP, a quantidade ideal de leitos de UTI neonatal é de pelo menos quatro para cada grupo de mil crianças vivas. De acordo com a empresa, no Brasil nascem quase 39 prematuros por hora, ou mais de 899 por dia.

Segundo os dados do Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES), são atualmente mais de 8.760 leitos do tipo no país, públicos e privados, que correspondem a 2,9 leitos por mil crianças vivas.

Se vistos apenas os leitos ofertados pelo Sistema Único da Saúde (SUS), a taxa diminui para 1,5 leito a cada mil crianças vivas, levando em consideração as 4.677 unidades acessíveis para essa rede.

De acordo com o Ministério da Saúde, o número de leitos de UTI neonatal que são atendidos pelo SUS cresceu em aproximadamente 10% entre 2015 e 2018, totalizando mais de 4.697 leitos acessíveis nas redes públicas de todo o Brasil.

Nascimento Seguro

Devido a essa realidade, a SBP vai lançar a campanha Nascimento Seguro. A empresa atenta para a necessidade de assegurar a presença de um pediatra nas salas de parto, para o devido atendimento rápido de intercorrências, e da qualificação de todos os profissionais da saúde.

Além disso, é defendida a humanização das assistências às mulheres gestante, pelas ofertas de leitos de internação e locais para a execução do parto, com comparecimento de equipes e estruturas necessárias, apoio ao aleitamento da mãe e produção de campanhas de esclarecimento sobre a devida importância da prevenção de doenças.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.