O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Biotina: o que é, para que serve, benefícios e efeitos colaterais

Mas se você tem interesse em conhecer a biotina e no que ela pode te auxiliar, continue lendo este artigo.

Biotina: o que é, para que serve, benefícios e efeitos colaterais
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Você sabe o que é a biotina? Você sabe o quanto ela pode influenciar no funcionamento do seu organismo? Há muitos componentes e vitaminas que nosso corpo produz em quantidades adequadas para que o funcionamento de todo ele não seja prejudicado, mas também há outros que encontramos através da alimentação ou uso de suplementação.

Ainda assim pode haver falhas ou baixa produção de qualquer vitamina no corpo, mas são casos isolados.

Mas se você tem interesse em conhecer a biotina e no que ela pode te auxiliar, continue lendo este artigo e se informe mais sobre esta vitamina.

O que é a biotina?

A biotina é uma vitamina do complexo B que converte alimentos em energia e é encontrada naturalmente em vários alimentos. Ela é primordial na formação de ácidos graxos e produção de glicose (açúcar no sangue).

A biotina também auxilia na produção da vitamina H e ajuda no metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas. Desta maneira através da suplementação você pode encontrar na biotina:

  • Emagrecimento;
  • Aceleração de queima de gordura;
  • Melhor desenvolvimento do metabolismo.

A biotina pode ser obtida através da alimentação, mas nosso organismo também a produz pelas bactérias em nosso intestino. Pessoas que consomem álcool em excesso podem ter deficiência na produção e absorção da biotina, além de casos específicos como distúrbios genéticos, inflamação intestinal ou uso de alguns medicamentos como anticonvulsivantes, antibióticos e isotretinoína, que também ocasionam este estado de deficiência.

Como a biotina pode me afetar ou ajudar?

Caso você tenha curiosidade em saber se você tem alguma deficiência relacionada à biotina, você deve consultar um médico para que ele possa te avaliar e dar um veredito. Mas alguns dos sintomas da deficiência são:

  • Enfraquecimento do cabelo;
  • Erupção vermelha escamosa (especialmente ao redor dos olhos, boca e nariz);
  • Depressão;
  • Cansaço;
  • Alucinações;
  • Formigamento nos braços e pernas.

Como podemos ver a deficiência da biotina pode ser bem alarmante. Mas se você repuser os níveis de biotina, restabelecendo o açúcar no sangue, poderá então obter uma melhora. A biotina também é muito importante durante a gravidez.

Não pode-se pontuar exatamente quais são os benefícios da biotina quando administrada  de forma isolada. Há vários estudos em torno de seus ganhos e perdas, tanto para pessoas saudáveis quanto para quem sofre de diabetes e obesidade.

Entretanto a biotina por si só não é efetiva, embora ela colabore com a queima de gordura porque seu estimulo ao bom funcionamento do metabolismo é alto. Com o metabolismo fluindo de forma adequada há sim a queima de gordura e posteriormente o emagrecimento.

Mas embora, manter o nível de biotina seja bom e até corriqueiro para quem não tem nenhum dos problemas citados mais acima, seus ganhos são circunstanciais. Sempre alie o uso de qualquer suplemento com exercícios físicos e boa alimentação, para assim obter os melhores resultados possíveis.

Efeitos colaterais

Como já ressaltamos, caso você retire sua biotina de sua alimentação e de processos naturais do seu corpo, não há muito com o que se preocupar. Mas se você estiver fazendo uso de suplementação deve-se atentar a possíveis efeitos nocivos ao seu organismo, como:

  • Erupções cutâneas;
  • Problemas digestivos;
  • Problemas com liberação de insulina;
  • Acne;
  • Problemas renais.

Aquele aviso de sempre será dado. Sempre que for fazer uso de qualquer medicamento, suplementação ou anabolizante procure antes um médico para que ele possa fazer o acompanhamento junto com você e nada ocorra de errado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.