O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Benefícios da Vitamina E: para que serve e fontes de alimentos

Muito raro ser recomendada, a suplementação de vitamina E.

A vitamina E é popular quando se fala em nutrição. As fontes naturais dessa vitamina são abundantes e suficientes à população e por isso sua suplementação não é muito indicada.

A seguir, as funções e os benefícios da vitamina ao nosso corpo.

  • Ação antioxidante: tem defesa na membrana plasmática, promove bom funcionamento das funções celulares e neutraliza radicais livres, que geram doenças crônicas e degenerativas.
  • Previne doenças cardiovasculares: impede que o mau colesterol, LDL, seja oxidado, possibilitando início da arteriosclerose. Também cuida da saúde circulatória, formando glóbulos vermelhos e dilatando vasos sanguíneos.
  • Pele: contribui para boa aparência da pele, mantendo sua hidratação e evitando radicais livres.
  • Sistema imunológico: mantêm sistema imunológico forte e atuante.
  • Saúde óssea e muscular: a vitamina E é necessária para absorção de cálcio e potássio, importantes na manutenção óssea e muscular.
  • Perda de peso: por aumentar a queima calórica do corpo, auxilia no emagrecimento.
  • Aumento de massa muscular: protege os músculos dos radicais livres após os treinos, promovendo recuperação rápida e facilitando aumento da massa muscular.

Deficiência, obtenção, suplementação e overdose de vitamina E

  • Deficiência: muito rara, mas ocorre em pessoas subnutridas, provocando problemas na absorção de gorduras, enfraquecimento do sistema imunológico e anemia, além de degradação dos músculos.
  • Obtenção: está presente em vegetais verde escuros, principalmente em espinafre e aspargos, além das gorduras saudáveis (semente de girassol), abacate, amêndoas e peixes como salmão e sardinha.
  • Suplementação: muito raro ser recomendada, a suplementação de vitamina E deve ser realizada com a forma natural, mais eficaz do que a forma sintética.
  • Overdose: muito perigosa, a overdose desta vitamina pode promover sangramentos no corpo por meio da redução da vitamina K, regula a coagulação do sangue. Se combinada com anticoagulantes como aspirina, há possibilidade de sangramentos no cérebro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.