O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Anvisa autoriza novo medicamento para tratar leucemia

O medicamento poderá ser utilizado em conjunto com a quimioterapia.

Anvisa autoriza novo medicamento para tratar leucemia
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Anvisa autorizou um novo medicamento para pessoas adultas diagnosticadas recentemente com leucemia mieloide aguda.

O medicamento é o RYDAPT (Midostaurina), que deve ser utilizado em conjunto com o tratamento de quimioterapia, caso tenha indicação médica. A venda será na forma farmacêutica de cápsula mole, com concentração de 25 mg.

O produto age como terapia-alvo, que para a mutação do gene FLT3, responsável pelo aparecimento de glóbulos brancos malignos. A mutação no gene contribui na produção das células leucêmicas, assumindo o lugar das células sanguíneas normais feitas pela medula óssea, apresentando diversos sintomas, entre eles moleza, tonturas e fadiga.

Como será o tratamento com RYDAPT?

A precedente fase do tratamento de leucemia mieloide aguda expressa-se no combate às células cancerígenas, com a ajuda dos medicamentos quimioterápicos daunorrubicina e citarabina. A utilização do medicamento possivelmente estará associada a esta fase.

Na segunda fase do tratamento, o novo produto será usado em conjunto com o medicamento citarabina em elevadas doses. Em seguida, o RYDAPT será usado em uma etapa de manutenção da terapia.

O que é leucemia?

A leucemia é uma doença maligna dos glóbulos brancos (leucócitos) de começo, em sua grande maioria, desconhecida. Ela tem como principal adjetivo o acúmulo de células blásticas diferentes na medula óssea, que trocam as células sanguíneas normais.

A medula é o local de criação das células sanguíneas, abrange a cavidade dos ossos e é famosa popularmente por tutano. Nela são achadas as células mães ou precursoras, que resultam os elementos do sangue: glóbulos brancos, glóbulos vermelhos (hemácias ou eritrócitos) e plaquetas.

A leucemia mieloide aguda, especialmente, ataca as células mieloides, que na maioria das vezes se manifestam formando alguns tipos de glóbulos brancos, que trabalham na proteção do corpo humano, especialmente contra infecções. A AML ocorre em crianças e adultos. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.