O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Alzheimer: remédios contra a herpes podem ser úteis contra a doença

A herpes expõe os pacientes a riscos maiores de demência.

Alzheimer: remédios contra a herpes podem ser úteis contra a doença
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Os estudos contra o Mal de Alzheimer felizmente estão mostrando que realmente existem esperança para que esta doença seja vencida. Novidades estudadas pelos especialistas mostram que portas podem ser abertas para um outro tipo de tratamento.

No último mês, uma pesquisa mostrou que existem evidências de que o vírus da herpes está envolvido com casos de demência e, com essa informação, foram analisados os remédios contra a herpes, a fim de entender se existe um efeito contra o Alzheimer.

Mesmo sendo algo aparentemente muito vago, outros três estudos acabaram por reforçar que existe uma ligação entre o Mal de Alzheimer e a herpes e tudo foi publicado no Jornal da Doença de Alzheimer, disponível em língua inglesa.

De acordo com os dados da pesquisa, o surgimento da herpes-zóster, conhecida no Brasil como cobreiro, torna os pacientes mais suscetíveis a apresentarem demência.

O tratamento com os remédios anti-herpéticos reduzem as chances de demência de uma forma muito grande.

Alzheimer: pacientes ganham novo aliado

Os cientistas prepararam um estudo sobre a medicação, onde foram acompanhadas 8,3 mil pessoas com 50 anos ou mais, estas pessoas haviam sido diagnosticadas com o vírus simples da herpes. Outros 25 mil voluntários da mesma faixa de idade foram analisados, todos saudáveis.

Os grupos foram analisados entre 2001 e 2010 e os resultados mostraram que nos indivíduos com herpes, o risco de demência foi 2,5 vezes maior que no outro grupo, o dos saudáveis.

Além disso, o estudo ainda mostrou que o tratamento antiviral ajudou a reduzir o risco em até dez vezes.

Segundo os doutores, este foi o primeiro momento em que houve uma evidência populacional de que há uma ligação entre a herpes e a doença de Alzheimer.

Esta descoberta é considerada importantíssima para que seja possível surgirem novos tratamentos contra a demência e também a criação de formas de prevenção.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.