O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Ibuprofeno: bula, para que serve, contraindicações e detalhes

O ibuprofeno é um analgésico e anti-inflamatório.

Ibuprofeno: bula, para que serve, contraindicações e detalhes
5 (100%) 2 votos Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

O ibuprofeno é um anti-inflamatório muitas vezes descrito como analgésico e em casos de inflamações. Por ser um anti-térmico, ele também atua contra a febre.

É necessário conhecer todas as suas indicações e condições antes de tomar, afinal de contas, todo e qualquer medicamento precisa ser prescrito por um médico.

É sempre bom conhecer as necessidades antes de tomar o remédio, já que existem vários anti-inflamatórios disponíveis nas farmácias por todo o Brasil.

O Ibuprofeno é indicado para casos de inflamações, osteoartrose, amigdalites, febre, gota, gripe, cólicas menstruais, artrite reumatoide, diarreia, dores de garganta, de dente, nos músculos e na cabeça.

Ibuprofeno: detalhes, contraindicações e mais

O ibuprofeno é comercializado com outros nomes e distribuído com os nomes de Alivium, Advil e Spidufen, este é o único que não contem 100% da substância.

Ele possui efeitos colaterais como zumbidos nos ouvidos, prisão de ventre, gases, coceiras, redução da urina, náuseas, azia anemia, depressão e outras coisas.

Entre as suas contraindicações aparecem  pacientes com insuficiência cardíaca, insuficiência renal, sangramentos ativos ou pós-cirúrgicos, doença hepática, gastrite ou úlcera, hipertensão e outros.

Na gravidez, o ibuprofeno deve ser evitado, assim como as mães em períodos de amamentação não devem usar o remédio já que ainda não se tem certeza sobre os efeitos cardiovasculares nos fetos.

O efeito do ibuprofeno costuma durar quatro horas e o organismo começa a receber os primeiros sintomas de melhora após 15 ou 30 minutos.

Vale lembrar que este analgésico, assim como os demais pode causar dependência. Entre o ibuprofeno e o paracetamol, o primeiro apresenta vantagens, pois possui ações anti-inflamatórias.

Porém, o paracetamol tem menores efeitos colaterais, já que um anti-inflamatório poderá gerar mau estar no estômago por conto de sua composição ácida.

Contudo, é necessário ter ciência de que há necessidade de conhecimento do seu médico antes do uso desta substância.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.