O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Amipriptilina: pra que serve, efeitos colaterais, indicações

Este remédio é um antidepressivo, também utilizado para o controle da ansiedade.

Amipriptilina: pra que serve, efeitos colaterais, indicações
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Amipriptilina é um remédio utilizado contra a depressão. Este fármaco é um antidepressivo tricíclico com funções calmante e ansiolítica.

Este medicamento age principalmente regulando as substâncias que estão desequilibradas no cérebro do paciente. Ele serve para tratar enxaquecas, cefaleia e enurese noturna, quando o paciente urina enquanto dorme além de esquizofrenia.

Os remédios que possuem funções calmantes e antidepressivas tem muitas indicações e contraindicações específicas e severas.

Os efeitos colaterais precisam ser observados com atenção, é importante nunca se automedicar com este tipo de remédio, pois você pode estar colocando a sua vida em risco.

É importante notar que nem todas as pessoas podem usar este remédio! Os sintomas precisam de uma administração da substância de uma forma personalizada.

Pessoas precisam procurar por orientação dos médicos antes de utilizar este remédio ou procurar um parecido para o tratamento destes sintomas.

Se você usa monoaminoxidase, cisaprida ou se está em fase de recuperação por conta de um infarto, não pode usar este medicamento.

Amipriptilina: outros detalhes importantes

Se você tem glaucoma, pressão intraocular aumentada, problemas nos rins, função hepática comprometida, se já passou por convulsões, se possui doenças cardiovasculares, doenças endócrinas ou alergia ao acetilsalicílico, só utilize se com recomendação e observação cautelosa de um especialista.

Os primeiros efeitos do medicamento podem aparecer após o terceiro ou quarto dia. Por outro lado, pode demorar até trinta dias para que a eficácia seja notada.

Em alguns casos, os benefícios só são registrados após quatro semanas, caso após isso os resultados não apareçam, busque o médico para saber se há necessidade do aumento da dosagem.

É importante respeitar os horários e as dosagens desta medicação. Sua posologia é indicada para que os pacientes ingiram doses pequenas à noite antes do jantar ou ao deitar.

A medida de tempo e outros detalhes são prescritos pelo médico. A dose máxima é de 150 mg por dia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.