O Jornal da Saúde é um site de portal de notícias online com o objetivo de trazer assuntos relacionados sobre saúde e bem estar.

Abscesso cerebral: Quais as causas sintomas e tratamentos

Geralmente realiza-se uma biópsia com punção de material do abscesso para identificar a causa da infecção.

Abscesso cerebral: Quais as causas sintomas e tratamentos
5 (100%) 1 voto Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Abcesso cerebral o diagnóstico é feito através da realização de scanner ou tomografia computadorizada ou uma ressonância magnética

Geralmente realiza-se uma biópsia com punção de material do abscesso para identificar a causa da infecção.

Com o resultado destes testes, os pacientes podem começar a ser tratados antes de ter o diagnóstico microbiológico.

Um exame do sistema nervoso e do cérebro (neurológico) geralmente mostra sinais de aumento da pressão intracraniana e problemas com o funcionamento do cérebro.

A pressão intracraniana pode aumentar de forma excessiva e comprometer a vida do paciente.

Um abcesso cerebral é uma emergência médica e com frequência é necessário o internamento hospitalar, até que se realize o tratamento necessário e a doença estabiliza.

Um abscesso cerebral é o ajuntamento de material purulento nos hemisférios cerebrais, que se comporta clinicamente como uma massa intracraniana.

É mais comum no sexo masculino e os agentes isolados mais comuns são o estreptococo e o estafilococo, que geralmente são pluribacterianos.

Quais são os sintomas mais comuns do  abcesso cerebral?

Dor de cabeça
Febre
Náusea
Vômito
Rigidez do pescoço

Quais são as causas

A entrada de germes no cérebro pode ocorrer de três maneiras:

Disseminação hematogênica (através da corrente sanguínea) de um foco infeccioso distante (geralmente nasofaríngeo).

Infecção contígua: de focos infecciosos de estruturas cranianas adjacentes, como a orelha ou seios paranasais.

Infecção por entrada direta, como nas lesões cranianas que causam lesões profundas ou, menos freqüentemente, após uma intervenção neurocirúrgica.

As bactérias mais freqüentemente isoladas em abscessos cerebrais são geralmente bactérias anaeróbias e às vezes mistas, incluindo estreptococos e bacteróides anaeróbicos. Fungos, protozoários e parasitas também podem causar infecções intracranianas localizadas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.